Você está aqui: Página Inicial > Contents > Notícias > Paulo Freire será homenageado no VI SECAMPO em Mamanguape

Notícias

Paulo Freire será homenageado no VI SECAMPO em Mamanguape

por publicado: 06/08/2018 17h53 última modificação: 06/08/2018 17h56

secampo.jpg

O Campus IV da Universidade Federal da Paraíba (UFPB, em Mamanguape, realiza de 29 de novembro a 1º de dezembro o “VI Seminário Internacional de Práticas Educativas – SECAMPO 2018”. O evento é uma atividade acadêmica que acontecerá no auditório do Centro de Ciências Aplicadas e Educação (CCAE), Campus Litoral Norte.

“VI SECAMPO 2018” tem como tema “Paulo Freire: Educação, Resistência, Ousadia e Liberdade”. Podem participar estudantes, professores, pesquisadores, educadores e gestores da rede pública e particular, além de estudiosos e militantes dos movimentos sociais que irão reflexionar a educação nesse contexto de crise política e econômica que afeta a educação e a população brasileira, latino-americana e caribenha.

O evento será composto por uma vasta programação, incluindo: atos culturais, conferências, grupos de trabalhos, círculos de cultura, seção de pôster/banner, prêmio de fotografia, prêmio de vídeo e prêmio de Projetos Educativos, visitas de campo, musicais, feira de livros e produtos indígenas.

Tem coordenação do Grupo de Estudos em Educação, Etnia e Economia Solidária, apoiado pelo Departamento de Educação do Centro de Ciências Aplicadas e Educação, em parceria com Universidades, Institutos Brasileiros e do Exterior, CNPq e outras instituições, inclusive Movimentos Sociais.

O seminário festeja os 50 anos da obra “Pedagogia do Oprimido”, do Mestre Paulo Freire. Ao mesmo tempo, segundo os organizadores “é um convite para o exercício da práxis educativa no cotidiano para a vivência da educação, da resistência, da ousadia e da liberdade”.

Mais informações pelo e-mail: secampo2018@gmail.com; ou pelos telefones (83) 99932-4000, (84) 99938-9314 e 98841-3671.

As inscrições podem ser feitas pelo endereço: www.ccae.ufpb.br/secampo/index.html.

 Fonte: 

Agência de Notícias da UFPB - Com Assessoria